Quais Tratamentos para emagrecer existem?

O ritmo com que assuntos relacionados à saúde e à beleza estão tomando conta da cabeça das pessoas atualmente, faz com que elas se preocupem cada vez mais com eles e dediquem muito tempo e dinheiro para manter um corpo saudável e mais bonito.

O desejo de emagrecer, de perder aquela gordurinha localizada, de manter o corpo mais rígido em regiões “complicadas” no que diz respeito à gordura e de eliminar todo o acúmulo de líquidos do corpo (que já deveriam ter sido eliminados naturalmente).

O Guia Alimentos para Emagrecer!

Coloque seu e-mail e receba gratuitamente o Guia

Isso faz com que as pessoas, tanto mulheres quanto homens (mas principalmente as mulheres), procurem clínicas de tratamento estético.

A importância da alimentação saudável

tratamentos-para-emagrecer-alimentacaoO maior problema é que por mais que as pessoas se dediquem a uma alimentação saudável a à prática regular de exercícios, algumas gordurinhas persistem.

Tanto que é possível emagrecer apenas comendo os alimentos corretos e que acelera mo metabolismo, e para de comer alimentos que ajudam no acúmulo de insulina, como explicado no livro Emagreça com o Dr Rocha.

Veja o caso da maioria das mulheres: a palavra “celulite” causa arrepios e é muito persistente na vida da maioria, porque é um problema difícil de lidar dependendo, até mesmo, da genética da pessoa. Aí, se você come uma bolinha de queijo a mais, pronto, vai ter gordura localizada em algum lugar.

E manter o controle da alimentação, nem sempre é fácil, por isso, ter recursos que ajudem a eliminar de forma ainda mais rápida tudo aquilo que é indesejado em nosso corpo, é ótimo!

Mas vamos deixar bem claro um detalhe: não adianta nada fazer diversos tratamentos estéticos, por mais modernos que eles sejam, e ao mesmo tempo, não ter uma alimentação saudável e equilibrada, além da prática regular de exercícios.

Se assim você fizer, você estará fazendo um esforço em vão, que não trará ou trará pouquíssimos resultados visíveis. Que tal dar uma conferida em alguns tratamentos para emagrecer disponíveis no mercado?

Tratamentos que funcionam

Criolipólise

Essa técnica foi desenvolvida na Universidade de Harvard e o objetivo é usar as baixas temperaturas para eliminar a gordura localizada.

Funciona do seguinte modo: o aparelho é colocado em contato com a pele e ele congela a camada de gordura até temperaturas negativas, com isso, as células de gordura não aguentam a acabam se rompendo totalmente. Após isso, o próprio corpo entenderá que estas células rompidas já não fazem mais parte dele, portanto, ele irá eliminá-las de forma natural.

Ultrassom

Este método para ajudar no emagrecimento emite ondas sonoras que atingem os tecidos subcutâneos através das vibrações mecânicas. Com estas vibrações, a circulação sanguínea no local é estimulada e o conteúdo das células de gordura “vazam”, assim, esta parte gordurosa que vazou é eliminada naturalmente pelo organismo.

Este tratamento, para ter uma eficácia ainda maior, pode ser feito juntamente com o uso de medicamentos lipolíticos, que são aqueles que auxiliam na quebra de gordura localizada.

Carboxiterapia

Essa técnica é feita com a aplicação de injeções de CO2 na área que deverá ser tratada. Como o corpo terá que eliminar este gás injetado, a circulação sanguínea desta área irá aumentar, o que mobilizará a gordura local, além de aumentar a produção de colágeno.

Endermologia

Este procedimento rompe as células de gordura ou as remodela por fazer sucção na região a ser tratada, podendo até mesmo destruir os nódulos formadores da celulite. Este estímulo acaba também melhorando a drenagem dos líquidos do corpo todo.

Intradermoterapia

Este tratamento possui bons efeitos desde que associado a outros tratamentos. Ele é feito através do uso de injeções subcutâneas com substâncias lipolíticas que irão auxiliar a quebra da gordura localizada.

No caso de obesidade

Quando o caso não é apenas a gordura localizada, e sim, quando envolve ainda um processo de emagrecimento que deverá ser mais intenso e mais longo, os tratamentos podem ser feitos à base de medicamentos.

É claro que isso não significa que a pessoa tomará medicamentos para emagrecer e continuará fazendo uma alimentação ruim e em uma vida sedentária.

Os medicamentos devem ser tomados por indicação médica e a pessoa deve cooperar seguindo as demais orientações de profissionais (sobre a alimentação e os exercícios físicos).

Medicamentos para emagrecer

Alguns medicamentos utilizados para pessoas que estão com o IMC (Índice de Massa Corporal) elevado e em estado de obesidade, são:

  • Sibutramina: age diretamente nos neurotransmissores responsáveis pela sensação de saciedade, fazendo com que a pessoa coma menos por sentir menos fome. Veja mais sobre a sibutramina;
  • Orlistat: age inibindo a absorção de gordura pelo intestino, fazendo com 1/3 das gorduras ingeridas sejam eliminadas por ele. Veja mais sobre o orlistat;
  • Mazindol: estimula o sistema nervoso central inibindo a fome, dando a sensação de saciedade;
  • Femproporex: inibe o apetite por agir no hipotálamo.

Qualquer medicamento ou procedimento de estética a fim de emagrecer, deve ser feito com ajuda profissional – de profissionais competentes, e as orientações devem ser seguidas à risca.

Não vale a pena arriscar a sua saúde, por isso, consulte um profissional que irá direcioná-lo para os melhores tratamentos disponíveis que estarão adaptados ao seu caso.

Gostou das explicações? Curta e Compartilhe!

Leave a Reply