Dieta da Proteína Passo a Passo

Após publicarmos o guia da dieta das proteínas recebemos diversas dúvidas sobre o extenso material que publicamos. Por isso vamos simplificar tudo em 4 simples passos.

A dieta da proteína tem sua fama consolidada entre os amantes da boa forma, e vamos mostrar como começar a dieta das proteínas passo a passo, de maneira simplificada.

O Guia Alimentos para Emagrecer!

Coloque seu e-mail e receba gratuitamente o Guia

O que será que ela pode trazer de bom para você? Acompanhe.

O que é a dieta da proteína?

Esta dieta tem como prioridade o consumo de alimentos e a exclusão de carboidratos do cardápio. Na falta de carboidratos o seu organismo passa a usar as reservas de proteína e gordura como fonte de energia.

O resultado é que você emagrece rápido porque as gorduras possam ser queimadas com muito mais facilidade. Além disso, há uma reeducação calórica importante com a exclusão de alimentos fonte de carboidratos que normalmente são calóricos.

Com esta dieta é possível perder até 7 quilos em um mês.

Como usar a dieta da proteína?

Nutricionistas indicam que a dieta da proteína só deve ser usada em carácter especial. Isso porque ela é bastante restritiva e pode causar sérios problemas a sua saúde se usada por muito tempo.

Qual o risco de ser um adepto desta dieta?

O seu organismo é inteligente. Quando você retira alguns nutrientes da dieta de forma brusca ele entra em estado de “atenção”.

Ao voltar a comer normalmente após um período de restrições alimentares seu corpo passa a armazenar a energia de tudo que você come.

O resultado disso passa longe daquele esperado por você.

Ocorre o ganho de peso e muitas vezes até em dobro.

Este é o temido efeito “sanfona”.

A falta de carboidratos na dieta também pode causar:

  • Hipoglicemia;
  • Problemas renais.

Passo a Passo da Dieta da Proteína

Dieta das proteínas passo a passo

Dieta das proteínas passo a passo

Agora vamos mostrar como você conseguirá emagrecer mais de 5 a 7 quilos com dieta das proteínas, mostrando como ela funciona na prática em 4 passos.

Passo 1 – Quais alimentos devem ser retirados do cardápio:

O primeiro passo é cortar os alimentos proibidos de sua lista de comprar do supermercado.

Devem ser cortados da sua alimentação:

  • Pães;
  • Massas;
  • Biscoitos;
  • Bolos;
  • Refrigerantes;
  • Açúcar refinado.

Para facilitar a adesão à dieta seu criador o Dr. Atkins a dividiu em 4 fases.

Passo 2 – Entenda as Fases da Dieta da Proteína

Entenda as fases da dieta das proteínas e o período em que você deve fazer cada uma delas.

Primeira fase

É a fase proteica, só é permitido o consumo de alimentos proteicos como:

  • Carnes brancas como frango, peixes e peito de peru;
  • Carne vermelha sem gordura;
  • Leite e derivados desnatados.

Esta fase dura de 5 a 10 dias.

Segunda fase

Além das proteínas você pode comer verduras e legumes.

No grupo dos legumes só devem ser exclusos a batata e a mandioca porque tem carboidratos.

É importante também intercalar os dias de consumo dos alimentos liberados.

Por exemplo: Em um dia você come só proteínas e no outro só legumes e verduras.

Terceira fase

Aqui entram as frutas, porém com moderação.

Isso porque elas contêm frutose que é o açúcar natural das frutas.

Além das frutas você também pode consumir massas integrais em pequenas porções.

Quarta fase

Esta é a última fase da dieta.

Nela você tem a liberdade de escolher um dia da semana para comer normalmente.

Claro que para manter o peso perdido é necessário fazer boas escolhas entre:

  • Verduras;
  • Legumes;
  • Alimentos proteicos;

Os carboidratos vãos sendo incluídos aos poucos na sua alimentação.

Quanto mais rápido atingir suas metas, mais rápido os alimentos fontes de carboidratos farão parte do cardápio.

Passo 3 – Cardápio da dieta da proteína:

No guia da dieta da proteína mostramos diversas opções de cardápio para montar a sua dieta, aqui simplificamos em uma única opção:

Café da manhã:

– 1 xícara de leite desnatado com café sem açúcar (use de 3 a 4 gotas de adoçante)

– 1 pera

Lanche da manhã:

– 1 unidade de iogurte natural desnatado de frutas.

Almoço:

– Salada de alface com tomate e cenoura ralada à vontade

Para temperar utilize o azeite extra virgem.

– 1 unidade de filé de frango grelhado

– Sobremesa: gelatina zero com creme de leite light.

Lanche da tarde:

– 1 fruta

Jantar:

– Salada de Brócolis com queijo branco e tomate cereja.

– Salmão grelhado

– Sobremesa: Musse de morango com whey protein.

Passo 4 – Criatividade nas receitas ricas em proteínas

O quinto passo é aprender a fazer receitas ricas em proteínas, e isso inclui criatividade no uso de suplementos em receitas e até mesmo criação de receitas.

Receita de mousse de morango com whey protein.

Ingredientes:

  • 1 caixa de gelatina diet de morango
  • 1 copo (200ml) de água quente
  • 1 copo (200ml) de gelo
  • 2 colheres (sopa) de queijo cottage
  • 2 colheres (sopa) de whey protein sabor morango ou baunilha.

Modo de preparo:

Dissolva a gelatina na água e deixe esfriar.

Acrescente o gelo, o cottage e o whey protein.

Bata tudo no liquidificador e leve à geladeira para endurecer.

 

Ao ser adepta (o) de uma dieta, utilize o bom senso.

Escolha aquela que aumenta a sua qualidade de vida e com muito mais saúde.

Curtiu? Compartilhe.

 

Leave a Reply